AUTOATENDIMENTO

Embora a maioria da população já tenha se adaptado à mudança, a pequena quantidade de pessoas que utilizam o transporte coletivo, diariamente ou eventualmente, que ainda não buscou algum cartão de transporte nos terminais e praças, pode embarcar em qualquer ônibus de Fortaleza e Região Metropolitana sem preocupação, pois caso o passageiro só esteja com dinheiro em espécie os motoristas já possuem uma solução.

ACESSIBILIDADE

97% dos ônibus em Fortaleza são acessíveis

Atualmente, Fortaleza possui um dos maiores índices do Brasil de ônibus acessível, com 97% da frota apta com elevadores, piso e balaústres e assentos especiais para receber cadeirantes e deficientes em geral. Esses veículos estão dentro dos padrões exigidos pelo decreto presidencial que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.

Além de equipamentos e tecnologia, o Sindiônibus tem investido em qualificação dos recursos humanos. Todos os profissionais estão sendo treinados para o atendimento de pessoas com mobilidade reduzida: deficientes físicos, incluindo deficientes visuais, idosos e gestantes.

É um treinamento especial e inédito no país e que qualificará todos os profissionais das empresas urbanas e metropolitanas. O treinamento é teórico e prático, onde os profissionais simulam utilizando óculos embaçados para dificultar a visão e peso nas pernas para dificultar a locomoção e fazem o exercício de entrar no ônibus. O treinamento prático para a operação e o manuseio do elevador também é realizado.

ATENDIMENTO AO IDOSO

O setor de Gratuidade do Sindiônibus, também conhecido como Atendimento ao Idoso, é uma das áreas do Sindiônibus que lida com o público diretamente, fazendo em torno de 250 a 300 atendimentos por dia.

Como a maioria desse público é formada por pessoas da terceira idade, o acolhimento realizado pela equipe é bastante cuidadoso, fazendo com que o Sindiônibus seja conhecido pelo bom atendimento.

O setor realiza o cadastro do idoso e emite a carteirinha que facilita o embarque dele nos coletivos.

Idosos a partir de 65 anos completos (homens e mulheres), podem utilizar o transporte coletivo de Fortaleza gratuitamente mediante apenas um documento de identidade oficial. O Sindiônibus oferece sem nenhum custo adicional um cartão personalizado de gratuidade aos idosos, opcionalmente para facilitar o embarque.